O que é Inbound Marketing

1 Comentário
Compartilhe

Tudo que você precisa saber sobre o que é Inbound Marketing!

O marketing sempre se baseou em interrupções e as empresas sempre tiraram nossa atenção para gritar: Ei, olha meu produto, ele é bom! E para piorar, na maioria dos casos os produtos não nos eram interessantes e não solucionavam nossos problemas. Mas os tempos mudaram e a transformação digital e as mudanças no comportamento do consumidor forçaram as empresas a criar novas formas de conquistar e manter seus clientes, e o Inbound Marketing foi a melhor delas.

A realidade é que o Inbound já é, estatisticamente comprovado, mais eficaz do que o marketing tradicional.

Quer aprender mais sobre o assunto e ver se o Inbound é para você? Continue lendo.

O que é Inbound Marketing?

o que é inbound marketing

O conceito de Inbound Marketing surgiu nos Estados Unidos em 2006 por Brian Halligan e Dharmesh Shah e conquistou as empresas norte-americanas.

Em uma tradução literal para o português pode ser chamado de ‘marketing de entrada’, mas também tem sido conhecido por alguns como ‘marketing de atração’.

Diferente do marketing convencional, o Inbound Marketing não corre atrás do cliente em busca de atenção e na tentativa de mostrar o produto a ser consumido, ele faz exatamente o contrário: procura ganhar o interesse das pessoas mostrando a solução para o seu problema e explorando canais que tragam o público até você.

Em outras palavras, no Inbound Marketing é o cliente que procura a empresa e não o contrário.

Além disso, o Inbound Marketing busca atrair e conquistar o público alvo e os leads qualificados, ou seja, aquelas pessoas que realmente tenham interesse nos serviços que a sua empresa oferece. Ele não realiza ações para o público em geral, como outbound faz, mas foca em atrair as pessoas certas.

 Como o Inbound Marketing funciona?

O Inbound Marketing usa o marketing de conteúdo como ferramenta para trazer as pessoas certas até você. É necessário focar na criação de conteúdo relevante que vise resolver os problemas e atenda os interesses da sua persona.

Dessa forma você atrai o tráfego de entrada e consegue guiar o seu cliente pelo funil e pela jornada de compras, aumentando as vendas e fidelizando clientes.

O Inbound Marketing é a melhor estratégia para transformar estranhos em clientes, pois sua metodologia acompanha os hábitos de compra dos consumidores e a evolução digital.

Sua estratégia combina a criação de conteúdo com automação de marketing e possui uma metodologia baseada em quatro passos:

Passo 1: Atrair o tráfego de visitantes

o que é inbound marketing: atrair visitantes

Uma loja sem movimento está fadada a não dar certo e com um site não é diferente. Por isso o primeiro passo de uma estratégia de Inbound Marketing é atrair visitantes.

Um site sem visitas não gera leads, sem leads não há vendas e, consequentemente, toda a estratégia vai por água abaixo.

Mas como atrair esse lead?

Com a internet e a era do Marketing 4.0 as empresas precisaram se adaptar e procurar novas formas de se relacionar com seu público, foi aí que as marcas perceberam que nós estamos online todo o tempo, buscando informações e tentando esclarecer dúvidas.

Então por que não oferecer conteúdo de qualidade e relevantes que auxiliassem o consumidor em sua jornada de compra?

Alguns dos meios mais utilizados nessa etapa são:

Blog

O blog está diretamente ligado ao Marketing de Conteúdo.

Um blog bem feito produz conteúdo de qualidade baseado nos gostos e interesses da sua persona. Mas lembre-se, o objetivo do blog é educar, tirar dúvidas e trazer soluções para seu público, nunca vender.

Mídias Sociais

Você precisa participar das redes sociais onde seus clientes estão. Atenda os seus seguidores, faça pesquisa, descubra quais são as “dores” dessas pessoas e, o mais importante, crie e publique conteúdo relevante para alcançá-los. Estar presente nas redes sociais é uma ótima maneira de engajar com seu público e humanizar a sua marca

Além disso, 69,4% dos usuários descobrem lojas virtuais por meio de redes sociais. (E-commerce Trends, 2017)

Ajude-o a resolver problemas com dicas e materiais adicionais e ganhe a confiança desse leitor para uma possível venda futura.

SEO

Segundo pesquisa da E-commerce Trends (2017), lojas virtuais que adotam uma estratégia de SEO conquistam 13,2 vezes mais visitantes e 5,7 vezes mais clientes em comparação com os de e-commerce não otimizados com SEO.

Em geral, o cliente busca informações sobre a empresa, antes mesmo de ter seu primeiro contato com ela, por isso sites de busca são uma ótima oportunidade de exposição para sua marca.

Para garantir um bom posicionamento do seu site ou blog no Google, sua estratégia de Inbound deve contar com ações focadas em SEO (Search Engine Optimization), que tornam seu conteúdo mais relevante de acordo com os mecanismos de busca e te posiciona nos primeiros lugares quando alguém pesquisa algo relacionado a sua marca.

 

Todo o processo de conquista do cliente está baseado no conteúdo. Produzi-lo é vital, porém, sozinho ele não poderá trazer grandes resultados. Ele precisa estar conectado a um planejamento, estudo das personas, SEO, mídia digital, CTAs, melhorias no site, landing pages etc.

O grande diferencial dessa primeira etapa é atrair pessoas que de fato tem interesse no seu produto/serviço.

Mas não basta criar um blog ou perfil em qualquer rede social ou simplesmente escrever qualquer tipo de conteúdo. Para atrair o público certo você precisa realizar um estudo para entender o seu público-alvo e criar personas que serão seus possíveis prospects.

Procure entender quais são as redes sociais mais utilizadas por seu usuário, que horários e dias da semana ele costuma estar mais engajado, e onde eles costumam buscar informações.

Passo 2: Converter visitantes em leads

Agora que você já tem tráfego de visitantes em seu site, o próximo passo é fazer com que esses visitantes se tornem leads.

Mas o que é um lead?

Um lead é uma pessoa que demonstra um interesse em adquirir o seu serviço ou produto, ou seja, é um potencial cliente. Esse interesse é demonstrado quando o usuário preenche algum formulário, interage com sua marca, assina sua newsletter etc.

Para isso, você deve captar informações sobre o seu visitante oferecendo algo de valor em troca. Novamente temos a presença do conteúdo como peça chave para atração e conversão dos visitantes em leads.

Landing Pages

Não existe uma estratégia melhor de conversão que o uso de Landing Pages.

As Landing Pages têm como foco principal a conversão dos visitantes e são projetadas para convencer o usuário a realizar determinada ação. São páginas com poucos elementos e focadas em apenas um Call To Action principal, evitando distrações e garantindo a conversão desejada.

Dessa forma você transforma cliques em clientes mostrando o usuário como resolver todos os problemas comprando a sua solução.

Call-to-Action

As “chamadas para ação” são botões ou links que têm o objetivo de induzir os visitantes a tomarem uma determinada ação, para adquirir um conteúdo oferecido, como o download de um e-book ou de um template, por exemplo.

Formulários

O formulário em si, nada mais é o que um formulário comum, onde os visitantes de sua página irão preencher em troca de algo que você está oferendo.

São geralmente encontrados nas landing pages para serem preenchidos e então concluir a chamada para ação.

São feitos baseados nas informações que você julga relevante sobre seu visitante. Entretanto, o recomendado é não se estender muito para que o  usuário não desista antes de completar o preenchimento, e sempre ofereça algo que desperte o interesse do seu público, essa é a chave do sucesso na etapa.

A criação dessas ferramentas em especial e de toda estratégia de Inbound necessita de muito estudo e conhecimento em marketing digital. Ter o suporte de uma agência especializada em inbound marketing é essencial para que você tenha resultados.

Passo 3: Transformar leads em clientes

o que é inbound marketing: vender

Agora que você já atraiu os visitantes certos e converteu-os em leads, precisa transformá-los em clientes reais.

E-mail Marketing

Você seguiu todos os passos até aqui, seu visitante foi atraído pelo seu conteúdo, clicou em um CTA e preencheu um formulário na sua landing page. Você agora tem o e-mail do seu lead, mas ele ainda não é um cliente.

É aí que o e-mail marketing entra! O ideal é alimentar esses leads com uma série de e-mails com conteúdo útil e relevante. Dessa forma, você irá criar autoridade e construirá uma relação de confiança entre sua empresa e seu cliente, até que ele sinta-se preparado para comprar com você.

CRM

O CRM coloca o cliente no meio de tudo e busca atender suas necessidades, mostrando que sua empresa está lá, de ouvidos abertos e sempre buscando as melhores formas de resolver os problemas ou suas “dores”.

Com ele, você consegue ter todas as informações detalhadas sobre seu lead de forma acessível, facilitando o processo de vendas.

O sucesso de relacionamento das grandes empresas

Passo 4. Encantar os clientes para que se tornem promotores da sua marca.

O que é inbound marketing : relacionar

Seu cliente pode estar comprando seu produto, ou pagando todo mês pelos seus serviços, mas isso não significa que ele não vá te esquecer e começar a comprar do concorrente.

Empresas relevantes continuam a se relacionar com o cliente, mesmo após a compra, pois sabem o quão importante é fidelizar, engajar e encantar esses atuais clientes.

Até porque, clientes satisfeitos compram mais e, além disso, indicam e promovem a sua empresa, tornando-se verdadeiros defensores da sua marca.

Monitoramento das mídias sociais

É nas mídias sociais que você terá a interação mais próxima com os seus clientes. Eles deixarão dúvidas, comentários, curtidas ou insatisfações. Por isso, fique sempre atento ao que estão dizendo sobre a sua marca e, o mais importante, ouça seus clientes. É a opinião deles que realmente importa.

O e-mail marketing também pode ser usado nessa etapa de encantamento. A NetShoes, por exemplo, usa e-mails personalizados para pedir opiniões e avaliações dos produtos no pós compra e aproveita a deixa para fazer novas recomendações.

Todas as etapas da estratégia de Inbound Marketing são feitas por meio de ações e técnicas integradas, sendo possível mensurar e analisar os resultados, para que as táticas sejam aprimoradas continuamente.

Porque adotar uma estratégia de Inbound Marketing?

ROI (Retorno sobre investimento) positivo

Com o Inbound Marketing, empresas que mantém um blog conseguem 97% mais links e tem 13 vezes mais chances de ter um ROI positivo.

De acordo com estudos da Hubspot, investir em inbound marketing gera um ROI três vezes maior que no marketing convencional.

Em um de nossos cases de sucesso, por exemplo, conseguimos um aumento de 5.300% de ROI e um retorno de R$53 reais para cada R$1 real investido, usando estratégias de Inbound Marketing

Inbound Marketing custa 62% mais barato do que Outbound Marketing

Investir em Inbound Marketing custa 62% menos em cada lead gerado do que o Outbound Marketing, que consiste em estratégias tradicionais como propagandas em canais de comunicação, telemarketing, etc.

Empresas relatam que cerca de 57% dos contatos de clientes adquiridos vieram graças aos blogs e conteúdos relevantes.

Essencial para sua empresa

92% dos profissionais de marketing dos EUA acreditam que, se considerarmos a economia atual, o Inbound Marketing é essencial para as empresas.

Segundo pesquisa realizada pela Economist Intelligence Unit (EIU), encomendada pela UK Trade & Investment (UKTI), os investimentos em marketing digital irão superar o marketing tradicional até 2020 e o conteúdo digital será o equivalente a 80% do consumo mundial em entretenimento e mídia.

Ajuda a alcançar o publico certo

Oferecer conteúdo e respostas para os problemas do seu público faz com que a sua marca ganhe permissão para se comunicar diretamente com esse público sobre seus produtos, aumentando a possiblidade de venda.

Se você publica o conteúdo certo no lugar certo, você atrai seus potenciais clientes e torna-se útil para eles.

As pessoas impactadas por seu conteúdo tendem a criar um laço de confiança com sua marca, a ponto de permitir que você se aproxime e construa um relacionamento saudável, que pode resultar na venda.

Por isso, o Inbound Marketing consegue captar leads mais qualificados, melhorando a sua taxa de conversão e tempo de fechamento de um negócio.

 


Agora que você já sabe o que é Inbound Marketing, conta pra gente quais os resultados que você já teve com a estratégia?

Quais são as dificuldades enfrentadas para a implementação em sua empresa?

Estamos curiosos para saber!

Inbound e Outbound Marketing: Conheça as diferenças

1 Comentário. Deixe novo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Menu